top of page
logo branco.png

Uma viagem pela pré-história - Instituto Hawkins e as Anomalias do Tempo

Atualizado: 21 de jun. de 2023

Bem-vindos ao Instituto! Como falo numa pequena carta aos meus leitores na segunda edição do livro: espero que sintam um pouquinho da alegria que foi escrever este livro. Admito que não esperava ver esta aventura publicada e comentada com tanta paixão pelo público, o que tornou o livro uma surpresa muito bem-vinda e motivadora.

Fernando Couto de Magalhães no lançamento do livro: Instituto Hawkins e as Anomalias do Tempo
Fernando Couto de Magalhães no lançamento do livro: Instituto Hawkins e as Anomalias do Tempo

Instituto Hawkins e as Anomalias do Tempo é uma aventura de ficção científica que explora diferentes eras pré-históricas, revelando um passado desconhecido e cheio de mistérios. Com muito entusiasmo, o livro apresenta criaturas e eras muito mais antigas do que os próprios dinossauros, tornando um T-Rex, por exemplo, muito mais próximos de nós, humanos, do que de criaturas fantásticas que viveram na era do carbonífero, há mais de 300 milhões de anos no passado.


Escrevi este livro em 2019. Lembro-me de enviar capítulo por capítulo para a minha noiva, que se divertia com o mistério que eu criava. “Tem mais um capítulo pronto?” Ela me perguntava, curiosa, me persuadindo a continuar escrevendo, e eu não poderia deixá-la esperando. Afinal, o mistério é o ponto alto da aventura! Terminei a história no final do mesmo ano, com uma estranha sensação de alegria e, ao mesmo tempo, de tristeza ao ver a obra concluída. No entanto, em nenhum momento eu pensei em publicá-la.


Como todos sabem, 2020 foi um ano muito desafiador, o que me fez (literalmente) esquecer dessa história. Foi apenas no final de 2021, enquanto escrevia o meu artigo de conclusão do curso de pós-graduação, que pensei em resgatar aquela aventura, que fora tão divertida e prazerosa. Ora, o meu tema para o trabalho de conclusão da especialização em humanidades na PUC conversava diretamente com o assunto do livro: A história da evolução humana com as principais mudanças climáticas no período de sete milhões de anos. Então, no início de 2022, resgatei e reescrevi a história, desta vez pensando em publicá-la. No dia 31 de julho do mesmo ano, tive o prazer inexplicável de lançar o livro na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, na Avenida Paulista (SP) e, para minha surpresa, a fila contornava o terceiro andar.


É inegável a minha inspiração nos clássicos de aventura e ficção-científica. Jules Verne, H. G. Wells, Mary Shelley e Conan Doyle estão muito presentes neste livro, assim como grandes nomes da fantasia que eu tanto admiro, como Neil Gaiman, Stephen King e J. K. Rowling. Contudo, posso dizer com segurança que o autor que mais me influenciou foi Michael Crichton. Jurassic Park, O Mundo Perdido e Dentes de Dragão são livros que eu revisito com frequência. Porém, admito que me incomoda não haver nenhum nome brasileiro entre os citados acima. Afinal, não possuímos a tradição da ficção-científica em nosso país, mesmo existindo um público fiel e cativo ao gênero. Bem, se não possuímos incentivo à ciência, como ficará a ficção-científica? Desejo sorte a todos os autores brasileiros de Sci-fi e que, juntos, nós possamos reverter este cenário!


Instituto Hawkins e as Anomalias do Tempo é uma obra sincera e sem “algoritmos”. De maneira geral, é a aventura que eu gostaria de ler, ou melhor, de viver. Prepare-se para sujar as botas e fazer grandes descobertas que rompem os limites do espaço-tempo.


Bem-vindo(a) ao Instituto Hawkins.



SINOPSE

O corpo de um homem Neandertal é encontrado em perfeitas condições perto da cidade de Roma. O paleoantropólogo Charles Capucci e a primatóloga Marjory Souza são convocados por Dr. Hawkins, um renomado paleontólogo inglês, para investigar o caso. Com os recursos do tecnológico e mundialmente conhecido Instituto Hawkins, a equipe terá que desvendar os mistérios por trás dos aparecimentos de diferentes animais pré-históricos pelo mundo. De dinossauros a insetos gigantes de 300.000.000 de anos. Juntos, os cientistas do Instituto terão que viver uma aventura que rompe os limites do espaço-tempo e evitar uma catástrofe ambiental.


"Uma perspectiva singular sobre nossa existência."

André Nemésio. Zoólogo e autor do livro Crônicas do Cretáceo.


"Um relato do mundo arqueológico que reúne o presente com o passado e cria o futuro."

Klaus Peter Hilbert. Arqueólogo e professor da PUC-RS.


"Fernando é um ser humano fora do comum! Leveza, inteligência e carisma exalam de sua essência tão envolvente!"

Adriana Freitas. Historiadora e professora.


"Leve e empolgante! Perfeito para introduzir jovens e leigos aos temas científicos abordados no livro."

Marcelo Wysling. Biólogo.

33 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page